Páginas

domingo, 17 de agosto de 2014

Pensamentos profundos #29



O bom de estar como um tomate – vermelha até dizer chega: se entretanto corar ninguém nota. Vermelho, mais vermelho não há.

Sem comentários:

Enviar um comentário